Preparação para a Missa

SOLENIDADE DE NOSSA SENHORA APARECIDA – Pela intercessão da Mãe, Jesus “manifestou a sua glória e os discípulos creram nEle”.

Aparecida

1 – A PALAVRA DE DEUS   1ª Leitura: Ester 5, 1-2; 7, 2-3 – Concede-me a vida do meu povo – eis o meu desejo! «Ester revestiu-se com vestes de rainha foi colocar-se no vestíbulo interno do palácio real, frente à residência do rei. O rei estava sentado no trono real, na sala do trono, frente à entrada. Ao ver a rainha Ester parada no vestíbulo, olhou para ela com agrado e estendeu-lhe o cetro de ouro que tinha na mão, e Ester aproximou-se para tocar a ponta do cetro. Então, o rei lhe disse: – “O que me […]

Leia mais

XXVII DOMINGO DO TEMPO COMUM – O Reino de Deus será entregue a um povo que produza seus frutos”

DOm27A

I. A PALAVRA DE DEUS Is 5,1-7: “A vinha do Senhor dos exércitos é a casa de Israel.” Vou cantar para o meu amado o cântico da vinha de um amigo meu: Um amigo meu possuía uma vinha em fértil encosta. Cercou-a, limpou-a de pedras, plantou videiras escolhidas, edificou uma torre no meio e construiu um lagar; esperava que ela produzisse uvas boas, mas produziu uvas selvagens. Agora, habitantes de Jerusalém e cidadãos de Judá, julgai a minha situação e a de minha vinha. O que poderia eu ter feito a mais por minha vinha e não fiz? Eu contava […]

Leia mais

XXVI DOMINGO DO TEMPO COMUM – “Repensou e fez o que o pai queria”

dois-filhos

I. A PALAVRA DE DEUS Ez 18,25-28: “Quando o ímpio se arrepende da maldade que praticou conserva a própria vida.” Assim diz o Senhor: – «Vós andais dizendo: ‘A conduta do Senhor não é correta`. Ouvi, vós da casa de Israel: É a minha conduta que não é correta, ou antes é a vossa conduta que não é correta? Quando um justo se desvia da justiça, pratica o mal e morre, é por causa do mal praticado que ele morre. Quando um ímpio se arrepende da maldade que praticou e observa o direito e a justiça, conserva a própria vida. Arrependendo-se de […]

Leia mais

XXV DOMINGO DO TEMPO COMUM – “Estás com inveja porque eu estou sendo bom?”

trabalhadores da vinha

I. A PALAVRA DE DEUS Is 55,6-9: “Meus pensamentos não são como os vossos pensamentos.” Buscai o Senhor, enquanto pode ser achado; invocai-o, enquanto ele está perto. Abandone o ímpio seu caminho, e o homem injusto, suas maquinações; volte para o Senhor, que terá piedade dele, volte para nosso Deus, que é generoso no perdão. Meus pensamentos não são como os vossos pensamentos e vossos caminhos não são como os meus caminhos, diz o Senhor. Estão meus caminhos tão acima dos vossos caminhos e meus pensamentos acima dos vossos pensamentos, quanto está o céu acima da terra. Sal 144,2.8.17: “Senhor está perto da pessoa […]

Leia mais

Festa da Exaltação da Santa Cruz: « Deus não enviou seu Filho ao mundo para julgar o mundo»

santacruz

Leitura do livro dos Números 21, 4b – 9 – Aquele que for mordido e olhar para ela viverá. «Naqueles dias os filhos de Israel partiram do monte Hor, pelo caminho que leva ao mar Vermelho, para contornarem o país de Edom. Durante a viagem o povo começou a impacientar-se, e se pôs a falar contra Deus e contra Moisés, dizendo: – “Por que nos fizestes sair do Egito para morrermos no deserto? Não há pão, falta água, e já estamos com nojo desse alimento miserável”. Então o Senhor mandou contra o povo serpentes venenosas, que os mordiam; e morreu […]

Leia mais

XXII DOMINGO DO TEMPO COMUM – “Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me siga”

cruz-vazia

I. A PALAVRA DE DEUS Jer  20,7-9: “A palavra do Senhor tornou-se  para mim fonte de vergonha.” Seduziste-me, Senhor, e deixei-me seduzir; foste mais forte, tiveste mais poder. Tornei-me alvo de irrisão o dia inteiro, todos zombam de mim. Todas as vezes que falo, levanto a voz, clamando contra a maldade e invocando calamidades; a palavra do Senhor tornou-se para mim fonte de vergonha e de chacota o dia inteiro. Disse comigo: ‘Não quero mais lembrar-me disso nem falar mais em nome dele.’ Senti, então, dentro de mim um fogo ardente a penetrar-me o corpo todo: desfaleci, sem forças para suportar. […]

Leia mais

XXIV DOMINGO DO TEMPO COMUM – E vocês, quem dizem que eu sou?

5592CHRIST

I – A PALAVRA DE DEUS Is 22, 19-23: “Eu o farei portar aos ombros a chave da casa de Davi” Assim diz o Senhor a Sobna, o administrador do palácio: «Eu vou te destituir do posto que ocupas e demitir-te do teu cargo. Acontecerá que nesse dia chamarei meu servo Eliacim, filho de Helcias, e o vestirei com a tua túnica e colocarei nele a tua faixa, porei em suas mãos a tua autoridade; ele será um pai para os habitantes de Jerusalém e para a casa de Judá. Eu o farei portar aos ombros a chave da casa de Davi; […]

Leia mais

SOLENIDADE DA ASSUNÇÃO DA VIRGEM MARIA – O Todo Poderoso fez grandes coisas em meu favor: elevou os humildes.

assuncao

I. A PALAVRA DE DEUS 1ª Leitura: Ap 11, 19ª; 12, 1.3-6ª.10ab: O templo de Deus abriu-se no Céu e a arca da aliança foi vista no seu templo. Depois, apareceu no céu um grande sinal: uma Mulher vestida de Sol, com a Lua debaixo dos pés e com uma coroa de doze estrelas na cabeça. Estava grávida e gritava com as dores de parto e o tormento de dar à luz. Apareceu ainda outro sinal no céu: era um grande dragão de fogo com sete cabeças e dez chifres. Sobre as cabeças tinha sete coroas e, com a sua […]

Leia mais

19º DOMINGO DO TEMPO COMUM – “Por que duvidaste?”

jesus-aguas

I. A PALAVRA DE DEUS   1Re 19, 9.11-13: “Permanece sobre o monte na presença do Senhor.” Naqueles dias, ao chegar a Horeb, o monte de Deus, o profeta Elias, entrou numa gruta, onde passou a noite. E eis que a palavra do Senhor lhe foi dirigida nestes termos: – ‘Sai e permanece sobre o monte diante do Senhor, porque o Senhor vai passar’. Antes do Senhor, porém, veio um vento impetuoso e forte, que desfazia as montanhas e quebrava os rochedos. Mas o Senhor não estava no vento. Depois do vento houve um terremoto. Mas o Senhor não estava no terremoto. Passado […]

Leia mais

XVI – DOMINGO DO TEMPO COMUM – De onde veio o joio?

joio-e-trigo

I. A PALAVRA DE DEUS Sab 12,13.16-19: “Tu concedes o perdão aos pecadores” Não há, além de ti, outro Deus que cuide de todas as coisas e a quem devas mostrar que teu julgamento não foi injusto. A tua força é princípio da tua justiça, e o teu domínio sobre todos te faz para com todos indulgente. Mostras a tua força a quem não crê na perfeição do teu poder; e nos que te conhecem, castigas o seu atrevimento. No entanto, dominando tua própria força, julgas com clemência e nos governas com grande consideração: pois quando quiseres, está ao teu alcance fazer […]

Leia mais
Page 1 of 1012345678910